#DiárioDaLagartixa. A nova Lagartixa.

Só foi lançarmos a silhueta e uns já disseram que a lagartixa está gordinha, que virou jacaré, que está linda, que é maravilhosa! Que isso ou que aquilo. Eis agora ela aí, linda e inteira. Nós agora somos uma Lagartixa de verdade criada por um dos maiores chargistas deste país, o Frank Maia. Antes era só um arremedo de Lagartixa tirada de uma figura qualquer perdida na internet e, portanto, sem os devidos direitos autorais.

E mudamos porque a Lagartixa cresceu. Agora ela tem CNPJ e registro oficial. Uauu!!!!

E cresceu para além das burocracias. Em quase nove meses, sem nenhum tostão furado, sem nenhum influencer ajudando a nos bombar (mas adoraríamos que eles nos bombassem #ficaadica), atingimos 6.200 seguidores no Facebook, 500 no Twitter, 2.080 no Instagram. Uns quase 100 no Youtube, apesar de não fazermos grandes postagens por lá, e outros 50 no TikTok. E sem contar nossos assinantes de WhatsApp (sim, isso existe).

As postagens da Lagartixa já chegaram a quase um milhão de pessoas. O engajamento em média chega a 8 vezes o número de seguidores, no Facebook. Sim, vocês são demais.

Quando começamos este jornal, o objetivo era aprender a fazer jornalismo em tempos de redes sociais. Testar formatos, testar linguagem, testar reações. Atraímos esquerdistas, direitistas, gente que só está passando, gente que está no centro, pouca gente da periferia (aí o desafio ó). Erramos, consertamos, mas principalmente aprendemos.

Aprendemos, por exemplo, que o PP (para os perdidos) é um sucesso. As pessoas estão perdidas no noticiário.

Aprendemos que a Lagartixa é humana e ela também erra.

Aprendemos que todas as vezes que postamos uma bobagem, um erro, mas consertamos assim que alertados, os nossos leitores confiam mais na gente.

Nosso trabalho aqui é árduo. Tentamos checar as informações de todas as formas possíveis. Apuramos. Consultamos diferentes fontes.

Abusamos da ironia, o que faz com que muita gente nos enquadre disso ou daquilo. (Mas, por favor, falem mal, mas falem da gente.) Fazemos nossas análises, o que também faz com que muita gente nos enquadre disso ou daquilo. Mas nos divertimos mesmo quando escrevemos que o Lula devia se unir com o Bolsonaro para irem juntos protestar contra a Globo lá na porta deles. As pessoas ficam perdidas. Nem comentam.

Porque nossa missão não é ser de esquerda ou de direita. Nossa missão é ajudar a desvendar as informações. A contextualizar. A trazer para o mundo nosso de cada dia. Nossa ideologia é o jornalismo. E esta ideologia está comprometida com o papel social do jornalista, que é a de democratizar a informação e com isso tornar as sociedades mais fortes e livres.

Temos uma leitora lá da Paraíba, jovenzinha, universitária, cursa Biologia, que nos confidenciou que nunca gostou de política mas de repente nos descobriu e passou a entender e se interessar e a ir pesquisar mais sobre os assuntos que postamos. Olha que responsa a nossa!!!! Porque o jornalismo é isso: é o ponto de partida.

Hoje estamos lançando a nova Lagartixa como mais um passo neste caminho. Além do novo visú por aqui, também reconstruímos o nosso site que está lindo, arejado, fácil de acessar. www.lagartixadiaria.com.br

Mas vamos continuar acontecendo nas redes. O site é só para garantir que o dia que algum robô no Facebook, no Insta ou no Twitter der na louca e nos delete não fiquemos desamparados. E também para vocês saberem onde nos buscar.

Queremos agradecer demais nossos leitores apoiadores que nos assinam, ou via PagSeguro ou via Catarse, pois eles nos dão o incentivo para continuarmos buscando uma forma de nos sustentarmos financeiramente. Já somos sustentáveis? Faltam só uns 99% para chegarmos lá. Mas vamos chegar. E contamos com vocês para nos ajudar a não só chegar lá como também crescer mais. (Tixa, quero contribuir. é aqui!!! http://www.lagartixadiaria.com.br/ajude-a-lagartixa/)

Não podem contribuir? Ajudem a divulgar a Lagartixa.

Porque aqui todos os dias você vai encontrar gentes como o grande Romeu Martins, o microcolunista que lançou recentemente um livro de sucesso chamado Medo Imortal, com direito a cobertura da grande imprensa e tudo. Aquele salve, Romeu.

Um salve para o Damiris, que segue sendo nosso cronista anônimo cidadão de bem, meio em crise existencial ultimamente. Para o Frank Maia, que nos brinda com suas charges. Para o Paulo, que satiriza o mundo com suas frases. Para o Roberto Lameirinhas, um dos mais experientes jornalistas da imprensa brasileira em coberturas internacionais, e que vira e mexe, nas suas andanças pelo mundo, nos manda contribuições.

Um carinho especial para a maravilhosa jornalista Cecilia Zioni, que nos ajuda fazendo a revisão dos textos depois que publicamos. Numa equipe de duas pessoas, com a produção de tantos posts, Cecília nos presta um serviço inestimável.

Não, darling, nenhum dos nossos colaboradores é remunerado. Eles nos ajudam por conta destes lindos olhos que o Frank desenhou.

Agradeço ainda a Márcia Pinheiro, nossa youtuber vintage, que nos brindou por sua irreverência por lindos seis meses.

E agradeço a todos vocês, leitores da Lagartixa, que todo dia compartilham, comentam e curtem nossos posts.

Só o que posso dizer é:
Lóve you, com acento,
Tixa.

Pós Post: Um salve especial para nossa leitora Lilian Cas que foi quem chamou a Tixa de Tixa pela primeira vez e o Felipe Menezes que, quando instigado a nos ajudar a encontrar o nome de um bicho para a página, mandou a Lagartixa.
Pós Post 2: O Marcelo Chello é o melhor fotografo do mundo e deixa a página linda com suas fotos maras. Mas ele é muito mais que isso na Lagartixa, ele bate escanteio e faz gol por aqui, e por isso quis ficar de fora do texto. Mas os leitores reclamaram e aqui está ele. Lóve you, chello tixo.