#subindopelasparedes. O Apaziguador Geral da República.

Bolsonaro orienta o general da saúde a ligar para o supremo Gilmar e encerrar a treta.

Mônica Bergamo revelou em sua coluna que, a pedido do capitão, o general Pazuello ligou ontem para o ministro supremo Gilmar Mendes.

Tudo por conta da enorme treta que a declaração do supremo no final de semana causou, dizendo que o exército estaria se associando a um genocídio por conta do péssimo enfrentamento à pandemia.

Teve nota de repúdio do Ministério da Defesa e sermão do vice Mourão, para Mendes.

Bolsonaro não disse um A. Ficou quietinho e agora como um monge resolveu ajudar a acalmar os ânimos.

Para a jornalista, Gilmar Mendes só disse que “Foi uma conversa cordial”.

Acho que os atos humanitários do advogado Wassef tomaram conta do coração do presidente e ele resolveu seguir o lema paz e amor, após a prisão do Queiroz. Só pode ser isso.