#vazaJato. PF escondeu mensagens de Lula

A imagem pode conter: uma ou mais pessoas, barba e texto

#vazaJato. PF ESCONDEU MENSAGENS DE LULA. A conversa vazada por Moro entre Lula e Dilma que acabou por impedir Lula de ser ministro, mudando o curso da história, ganhou um novo capítulo hoje com as mensagens do Telegram da Vaza Jato. A propósito,a própria Vaza Jato ganhou um novo capítulo.

A Polícia Federal ouviu muito mais do que aquela conversa em que Dilma dizia que mandaria o termo de posse “em caso de necessidade” pelo Bessias. O entendimento foi de que Lula tinha medo de ser preso.

Mas a polícia também ouviu que Lula estava relutando em assumir o cargo conforme falou com aliados e mesmo com seu advogado Cristiano Zanin. Ele temia que fosse visto como um ato para fugir da Lava Jato. as conversas que agora vêm a publico revelam que o ex-presidente tinha o propósito de ajustar politicamente o governo Dilma. Lula conversou até mesmo com Temer. Mas somente a conversa do Bessias foi parar no processo.

Para quem não lembra, Moro liberou o sigilo da conversa com Dilma ilegalmente já que o grampo já estava fora do tempo da autorização judicial para a gravação. Chegou a ser repreendido pelo STF por isso.

Moro alega agora diante dos novos fatos que não tinha como saber tudo o que a PF ouviu porque só é anexado ao processo o que é considerado relevante. Mas a reportagem que Folha e Intercept fizeram hoje conta que as mensagens do Telegram revelam que Moro se reuniu com policiais e procuradores em reunião.

Tixa, mas porque muda o rumo da VazaJato? Porque pela primeira vez aparecem mensagens de policiais federais. E eles estavam em grupos dos procuradores.

PP. (para os perdidos). A partir do vazamento que Moro fez, o ministro Gilmar Mendes proibiu Lula de ser ministro de Dilma e assim o ex-presidente não teve foro privilegiado. Além disso, existia a expectativa de que Lula pudesse mudar politicamente o rumo do governo Dilma e poderia ter evitado o impeachment.

Foto: Marcelo Chello